22 de jan de 2010

Eu ouvi Deus

Levantei chateado já pensando nos inúmeros problemas que eu tinha para resolver naquele dia.
Um gosto amargo na boca, dores pelo corpo e uma angústia esquisita me invadia a alma e dizia que eu não havia dormido bem. E eu parecia uma barata tonta, não tinha idéia de "por onde começar"...
Quando sai para a rua fui surpreendido por um dia maravilhoso, um sol gostoso iluminava um céu azul quase sem nuvens, e eu tive a impressão de que Deus queria falar comigo.
Continuei caminhando e nas árvores da praça perto de casa, dezenas de passarinhos cantavam alegres e disputavam alimentos com uma barulheira festiva,
e senti que Deus queria falar comigo.
Olhei para as flores daquele Jardim e me lembrei de Jesus falando aos antigos: "(LC 12:27) "Olhai os lírios no campo, como eles crescem; não trabalham, nem fiam; e digo-vos que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como um deles.", e mais uma vez senti que Deus queria falar comigo.
Angustiado com meus problemas que pareciam ser os mesmos sempre, parecia que eu nunca iria sair daquele círculo de aflições, quando percebi que minhas pernas estavam me levando por todos os lugares que eu queria, mesmo sem eu ordenar nada, que meus braços eram fortes e eu poderia utilizar essa força para o trabalho, e que meu cérebro possuía ainda um raciocínio muito rápido, e mais uma vez percebi que Deus queria falar comigo.
Mais a frente, vi um menino de no máximo 3 anos, com os bracinhos esticados e nas pontas dos pés pulando para alcançar uma maçã no alto de uma árvore.
Mesmo com todo o seu esforço, empenho e alegria, eu percebi que ele nunca iria conseguir alcançar aquela maçã, e nesse momento eu ouvi Deus me falar que nós somos iguais aquela criança...
Na maioria dos nossos dias colocamos nossa felicidade, nossos melhores sonhos, em lugares tão altos como aquela maçã estava para o menino.
Perseguimos frutos que não estão ao nosso alcance, e desprezamos o belo, as coisas boas que a vida nos oferece e nem damos a devida atenção.
Percebi então, quanto tempo eu estava perdendo amando quem não me amava, trabalhando onde não me sentia feliz, fazendo coisas somente para agradar quem nunca mereceu, desejando coisas que eu nem sabia se me fariam feliz, buscando um Deus da guerra para vencer meus inimigos, quando Deus é só amor.
Então compreendi que a felicidade está onde nós estamos, onde está o nosso coração..
E nesse dia eu ouvi Deus.
Espero que tenha um ótimo final de semana.




13 de jan de 2010

Bodas de Casamento




Todos os aniversários de Bodas do Primeiro ao Centésimo ano devem ser comemorados, mas tradicionalmente se destacam os quinquenais a partir dos 25 anos em especial os de 50,75 e 100 anos que se alcançados devem ter festa inesquecível.


Os presentes seguindo a tradição devem fazer referência ao material associado a boda, seja criativo e relembre sempre essa ocasião sua e de amigos e parentes.
 01º - Bodas de Papel
 02º - Bodas de Algodão
 03º - Bodas de Couro ou Trigo
 04º - Bodas de Flores, Frutas ou Cera
 05º - Bodas de Madeira ou Ferro
 06º - Bodas de Açúcar ou Perfume
 07º - Bodas de Latão ou Lã
 08º - Bodas de Barro ou Papoula
 09º - Bodas de Cerâmica ou Vime
 10º - Bodas de Estanho ou Zinco
 11º - Bodas de Aço
 12º - Bodas de Seda ou Ônix
 13º - Bodas de Linho ou Renda
 14º - Bodas de Marfim
 15º - Bodas de Cristal
 16º - Bodas de Safira ou Turmalina
 17º - Bodas de Rosa
 18º - Bodas de Turquesa
 19º - Bodas de Cretone ou Água Marinha
 20º - Bodas de Porcelana
 21º - Bodas de Zircão
 22º - Bodas de Louça
 23º - Bodas de Palha
 24º - Bodas de Opala
 25º - Bodas de Prata
 26º - Bodas de Alexandrita
 27º - Bodas de Crisoprásio
 28º - Bodas de Hematita
 29º - Bodas de Erva
 30º - Bodas de Pérola
 31º - Bodas de Nácar
 32º - Bodas de Pinho
 33º - Bodas de Crizopala
 34º - Bodas de Oliveira
 35º - Bodas de Coral
 36º - Bodas de Cedro
 37º - Bodas de Aventurina
 38º - Bodas de Carvalho
 39º - Bodas de Mármore
 40º - Bodas de Rubi
 41º - Bodas de Seda
 42º - Bodas de Prata dourada
 43º - Bodas de Azeviche
 44º - Bodas de Carbonato
 45º - Bodas de Platina
 46º - Bodas de Alabastro
 47º - Bodas de Jaspe
 48º - Bodas de Granito
 49º - Bodas de Heliotrópio
 50º - Bodas de Ouro
 51º - Bodas de Bronze
 52º - Bodas de Argila
 53º - Bodas de Antimônio
 54º - Bodas de Níquel
 55º - Bodas de Esmeralda
 56º - Bodas de Malaquita
 57º - Bodas de Lápis-lazúli
 58º - Bodas de Vidro
 59º - Bodas de Cereja
 60º - Bodas de Diamante
 61º - Bodas de Cobre
 62º - Bodas de Telurita
 63º - Bodas de Sândalo
 64º - Bodas de Fabulita
 65º - Bodas de Platina
 66º - Bodas de Ébano
 67º - Bodas de Neve
 68º - Bodas de Chumbo
 69º - Bodas de Mercúrio
 70º - Bodas de Vinho
 71º - Bodas de Zinco
 72º - Bodas de Aveia
 73º - Bodas de Manjerona
 74º - Bodas de Macieira
 75º - Bodas de Brilhante ou Alabastro
 76º - Bodas de Cipestre
 77º - Bodas de Alfazema
 78º - Bodas de Benjoim
 79º - Bodas de Café
 80º - Bodas de Nogueira ou Carvalho
 81º - Bodas de Cacau
 82º - Bodas de Cravo
 83º - Bodas de Begônia
 84º - Bodas de Crisântemo
 85º - Bodas de Girassol
 86º - Bodas de Hortênsia
 87º - Bodas de Nogueira
 88º - Bodas de Pêra
 89º - Bodas de Figueira
 90º - Bodas de Álamo
 91º - Bodas de Pinheiro
 92º - Bodas de Salgueiro
 93º - Bodas de Imbuia
 94º - Bodas de Palmeira
 95º - Bodas de Sândalo 
 96º - Bodas de Oliveira
 97º - Bodas de Abeto
 98º - Bodas de Pinheiro
 99º - Bodas de Salgueiro
 100º - Bodas de Jequitibá










"A dor é temporária.
Ela pode durar um minuto, 
uma hora, 
um dia ou um ano, 
mas finalmente ela acabará 
e alguma outra coisa 
tomará o seu lugar. 
Se eu paro, no entanto, 
ela dura para sempre".

Lance Armstrong




11 de jan de 2010





"Permita que eu feche os meus olhos, 
pois é muito longe e tão tarde! 
Pensei que era apenas demora, 
e cantando pus-me a esperar-te".


(Cecília Meireles)




7 de jan de 2010


Toda mulher deve ter...

 ...um amor antigo para onde voltar
e um outro amor, que traga de volta 

memórias de arrepios e ousadias...
Dinheiro bastante para mudar de vida 

e alugar um lugar só seu, 
ainda que não queira ou nunca precise fazer isso.
Uma adolescência que ela esteja feliz em deixar para trás...
...e um passado saboroso o bastante 

para que ela possa contar histórias quando envelhecer.
Um conjunto de chaves de fenda, 

uma furadeira e um sutiã de renda preta.
Uma amiga que a faça rir...
...e outra que acolha suas lágrimas.
Um senso de controle sobre seu destino.
Toda mulher deveria saber...
como se apaixonar sem perder-se de si mesma
Como largar o emprego, terminar o romance 

e discutir com uma amiga sem arruinar a amizade.
Quando tentar e tentar ainda...
...e quando desistir.
Que não pode mudar o comprimento das suas pernas, 

a largura de seus quadris ou o jeito de ser de seus pais.
Que sua infância pode não ter sido perfeita... mas já passou.
O que faria ou deixaria de fazer por amor.
Como viver sozinha, ainda que não goste da idéia.
Em quem confiar, em quem não confiar e porque 

nem uma coisa nem outra devem ser tomadas pessoalmente...
Toda mulher deveria saber
Onde ir...
...seja direto para o colo da melhor amiga ou para 

uma pousada no meio da mata,quando precisar curar sua alma ferida.
Toda mulher deveria saber
O que é capaz de realizar
...em um dia
...em um mês
...em um ano.
"Apenas a força do Eterno em nós pode 

ousar empreender a imensa aventura dessa escalada..."




(Outra versão) - Mais você





Toda mulher deveria ter...




Um velho amor que ela pudesse recordar 
e alguém que se lembrasse dela como uma pessoa especial.
Uma juventude que ela tenha deixado para trás com satisfação.
Um passado interessante 
que a permita revivê-lo quando for mais velha.
A percepção de que ela realmente 
terá uma velhice com algum dinheiro guardado.
Um jogo de chaves de fenda, 
uma furadeira sem fio e um sutiã preto de renda.


Uma amiga que sempre a faça sorrir 
e outra que a permita chorar.
Um lindo móvel que não tenha sido herdado da família, 
oito pratos iguais, copos altos de vinho 
e uma receita que faça com que seus convidados sintam-se honrados.


Uma sensação de controle sobre seu destino, 
cuidado com a pele e com o corpo para contrabalançar
Outros poucos aspectos da vida 
que não melhoram após os 30.
Uma carreira sólida, um bom relacionamento 
e tantos outros aspectos que melhoram após os 30.


Todas as mulheres deveriam saber...
Como se apaixonar sem se perder.
Ou como sair de um relacionamento...
Como sair de um emprego ou discutir com uma amiga, sem destruir a amizade.
Quando insistir e quando desistir.
Como pedir o que quer de maneira que sinta que irá conseguir.


Que ela não pode mudar o tamanho das suas coxas, 
a largura de seus quadris e nem o temperamento de seus pais.
Que sua infância pode não ter sido perfeita, mas já passou.
O que ela faria ou não por um amor, 
como viver sozinha, mesmo que não goste.
Em quem pode confiar, em quem não pode.
O que ela pode ou não pode realizar em um dia, um mês e um ano.
Toda mulher deveria saber como usar este manual...
A vida iria ficar bem melhor!





6 de jan de 2010



DO AMOROSO ESQUECIMENTO
Eu, agora - que desfecho!
Já nem penso mais em ti...
Mas será que nunca deixo
De lembrar que te esqueci?



Mario Quintana




3 de jan de 2010







Amado

Vanessa da Mata

Como pode ser gostar de alguém
E esse tal alguém não ser seu
Fico desejando nós gastando o mar
Pôr-do-sol, postal, mais ninguém


Peço tanto a Deus
Para lhe esquecer
Mas só de pedir me lembro
Minha linda flor
Meu jasmim será
Meus melhores beijos serão seus


Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais


É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer


Sinto absoluto o dom de existir,
Não há solidão, nem pena
Nessa doação, milagres do amor
Sinto uma extensão divina




É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer
Quero dançar com você
Dançar com você
Quero dançar com você
Dançar com você.